Tatsu

Tatsu é a terra de costumes exóticos, arquitetura, guerreiros, honra e segredos milenares que tanto encantam seus visitantes. No percurso de sua história passou por uma grande revolução tecnológica mudando para sempre como ela seria vista pelos outros reinos de Morgdan. Linha do Tempo de Tatsu

Ficha Básica:

Capital: Ryuu-Shi
População Total do Reino: ??
Denominação: Tatsunês
Símbolo do Reino: Uma grande montanha branca
Grupos Étnicos: Humanos (em sua maioria orientais), elfos, halflings e orcs.
Política: Dinastias (Monarquia Hereditária)
Línguas oficiais: Tatsunês e língua comum do mundo.
Religião: Tatsu-Kin como deus mais cultuado, Kolthar e Thinos e poucos cultuando Etros.
Nível Tecnológico/Cultural: 4/5
Nível Militar: 2/5

História:

Tatsu não é um Reino como os outros, sua história começa antes mesmo de Morgdan… histórias tão antigas e tão diferentes da época atual que por muitos são consideradas meras lendas.

A muito tempo atrás, antes da guerra dos deuses existia um outro lugar, liderado por diferentes imperadores em uma diferente época, onde a terra era extensa e fértil, com grandes campos abertos cheios de árvores frutíferas e uma enorme gama de animais silvestres, um sol benevolente que aquecia as terras e tudo era extremamente agradável, até que um dia o céu ficou negro e pessoas começaram a desaparecer aleatoriamente desse reino e surgiam aglomeradas no meio de uma grande floresta gelada onde pela primeira vez pode-se ouvir a voz de Tatsu-Kin dizendo: Essa é a Guerra dos Deuses e mais do que nunca eu preciso de sua ajuda.

O recado estava dado, era preciso entrar em guerra contra estranhos seres nunca vistos antes que lutavam de forma bárbara e selvagem, alguns tinham grandes espadas enferrujadas ou dentes e garras afiadas. Durante essa grande batalha em que muitos lutavam nas linhas de frente, muitos outros lutavam para sobreviver, procurando abrigo ou alimento enquanto o céu brilhava com explosões e cores. Não se sabe quanto tempo durou essa guerra mas um dia ela chegou ao fim. As pessoas tinham dúvidas se poderiam voltar para o seu mundo, mas receberam uma noticia diferente das que esperavam.

Tatsu-Kin muito cansado só teve forças para falar por seus sacerdotes, espalhados pelo mundo junto as frontes de batalha, que no momento ficaram com olhos azuis brilhantes e com uma voz extremamente forte dizendo que esse era o fim da guerra e o honrado deus Leonar cedeu as terras abençoadas das montanhas de gelo como novo lar para seu povo, agora chamado de povo de Tatsu.

Grande parte deles migraram de volta para as montanhas começando assim historia do Reino de Tatsu, inicialmente marcada pela triste época da fome. Com o tempo as pessoas sentiram a necessidade de se organizar para sobreviver, começaram a surgir líderes, futuramente chamados de Daimyos. Se dividiram e sobreviveram da melhor maneira possível por muitos anos até que um grande líder militar, com um exército gigantesco, dominou grande parte do território se tornando o primeiro imperador de Tatsu. Durante esse tempo um dos 5 Daimyos desapareceu causando grande desconforto em parte da população.

A tirania desse ditador era completamente desonrosa e Tatsu precisava fazer algo contra isso, decidiu que nomearia um filho, um guardião que pudesse utilizar a katana-kin para corrigir os erros dos homens. Ao jogar sua espada no mundo ela gerou um grande tremor, devido o peso do metal celestial, causando assim a morte de várias pessoas inocentes soterradas. A espada e o guardião somente foram encontrados séculos após esse fato. De luto ele jurou pela eternidade que nunca mais interferiria pessoalmente nos assuntos mundanos de seu povo, e chora até hoje por isso simbolizado pela cachoeira que surgiu na montanha imperial, dando origem a um dos rios mais importantes de Tatsu.

Essa tragédia gerou insegurança nas pessoas e uma nova guerra por poder dos Daimyos se instalou no reino, com o exército todo desorganizado houve também o aumento de facções criminosas. Mas não só de tragédias vivia o mundo, com o tempo surgiu a ordem dos Metalquimistas que prometeram fazer de tudo para reconstruir o reino até um grande esplendor e dessa forma, mudando para sempre a estética de Tatsu até hoje conhecida.

Praticamente um século depois dessa revolução do conhecimento Tatsunês surge um novo e bom imperador. Era extremamente carismático e sábio onde soube encaminhar Tatsu para um grande futuro. Séculos depois seus honrados descendentes, herdeiros do trono, recebiam dicas dos sacerdotes para continuar as buscas pelo lendário guardião prometido de Tatsu até o encontrarem.

Atualmente, no ano de 765, o atual imperador ? ? ? da Dinastia ??? sofre de uma grande doença completamente desconhecida. Alguns dizem que é o terrível Mal de Jamian, e no seu lugar quem comanda o reino é um conselheiro regente escolhido a dedo ? ? ?, o mais honrado dentre os quarenta conselheiros reais. O imperador não é casado e nem tem herdeiros que possam continuar seu legado.

Com a possível morte do imperador, haveria uma votação dos outros trinta e nove conselheiros para nomear um Daymio como imperador, assim as cidades andam sob um “ataque” constante de propaganda dos Daymios que procuram dessa forma mostrar simpatia perante a população e receber os votos dos conselheiros reais. Praticamente não existe a possibilidade de suborno ou intimidação já que a honra nesse reino está acima de tudo. E estranhamente surgiu um rumor da possível volta do Quinto Daymio.

As grandes cidades ainda possuem o aspecto oriental tradicional, com pequenas casas feitas de madeira ou pedra com divisórias de papel fino entre os cômodos da casa, mas algumas casas ou locais adquiriram levemente a estética metálica e envidraçada após a revolução tecnológica, geralmente esses locais estão construídos pela metade ou adaptados para que as pessoas possam morar logo nessas casas.

Há um grande número de escolas públicas no reino elevando bastante a cultura do seu povo além de grandes escolas de artes marciais. O reino é considerado o berço das artes marciais, vista também como esporte nacional e existem grandes torneios sediados em diferentes arenas para encontrar novos campeões. Não é difícil encontrar grandes Dojôs com estilos de luta completamente diferentes espalhados pelo reino. Essa preocupação com cultura e conhecimento é toda voltada para gerar ordem e eficiência.

Um aspecto extremamente exótico de Tatsu é a existência de um mineral muito raro que eles apelidaram de Pedra de Tatsu-Kin, é uma pedra encontrada em poucas quantidades abaixo das cordilheiras no meio do território de Tatsu, é opaca como se estivesse congelada e é relativamente resistente (pode ser esculpida para variadas formas). Esse mineral parece reagir à luz lunar e brilha com média intensidade podendo iluminar pequenas áreas, fora do território de tatsu ela perde essa capacidade de emitir luz. Por esse detalhe exótico e mais outros que ainda não foram encontradas respostas, os tatsuneses consideram as terras do reino abençoadas pelo próprio Tatsu-Kin.

Demografia:

A população de Tatsu é relativamente heterogênea em sua grande maioria os humanos (84%) e praticamente todos orientais, existem poucos elfos que estudam essa cultura exótica (6%) e o restante da população se divide em variadas outras raças (10%) que tem coragem de encarar o grande frio que faz na época de inverno. Ainda existe um estranhamento em relação raças exóticas que se diferem muito da figura humana “padrão” a cor da pele ou formas físicas diferenciadas são as mais notadas, como por exemplo os góblins.

Existe um certo conflito racial em Tatsu, mas o maior conflito que existe são os das classes sociais. Sua classe sempre é hereditária, se você nasceu filho de camponês você sempre será um filho de camponês. Se você é um forasteiro você será sempre um forasteiro. Nenhum tipo de forasteiro ou “bárbaro” que não seja educado na cultura oriental pode comandar algo em Tatsu, salvos mercadores que conseguem status por seu dinheiro e recebem relativa atenção por causa disso.

Nobres humanos ou de outras raças provindos de outros reinos de alguma forma tem que apresentar seu título para receberem o devido respeito em Tatsu, como são um povo extremamente fechado tais títulos nem sempre são reconhecidos imediatamente por parte da população ou pelos próprios nobres.

Grande parte da população de Tatsu não consegue utilizar magias, o conceito da magia parece ser relativamente novo para eles, atualmente existem poucos magos Tatsuneses, diferente de clérigos de Tatsu-Kin ou samurais que recebem um pouco de poder divino. Os clérigos ou monges como são chamados em Tatsu particularmente são grandes artistas marciais. Os Metalquimistas mostram aqui outro papel importante para o reino como “reguladores da magia”, utilizam sua resistência mágica natural para impedir que magias arcanas malignas de estrangeiros subjuguem a ordem de Tatsu.

A população está extremamente aflita com a possibilidade de perder o seu o último imperador da Dinastia ? ? ? que tanto fez bem para o povo de Tatsu. Grande parte deles não consegue imaginar algum dos Daymios atuais como novo imperador de Tatsu, nem mesmo os grandes festivais e festas patrocinados pela propaganda deles consegue tirar esse medo eminente.

Geografia:

Pode-se dizer que a paisagem de Tatsu pode ser resumida em camadas: uma verde uma cinza e outra branca, caracterizadas pelos tipos de clima encontrados. Tatsu tem o menor território em extensão de toda Morgdan, porém tem as maiores montanhas do mundo. É um local agradável de se viver apesar da grande cadeia de montanhas e a falta de planícies. A base de altura de Tatsu é aproximadamente 1.400 metros acima do nível do mar e como seu território é mais verticalizado, a variação de temperatura pode ser de 20ºC na base, dependendo da altitude podendo chegar a 5º ou nos picos extremos das montanhas a -30ºC.

Seu território faz divisa com as fronteiras do Deserto Áureo ao norte/oeste, com Stormgard ao Sul/Leste e é o único reino que não é banhado pelo oceano de Morgdan. O reino todo é recortado por uma grande cordilheira de montanhas onde se destacam 4 gigantescas montanhas protegendo sua área interna.

As montanhas ao norte são:
? ? ? – a montanha do vulcão dormente, localizada mais a oeste com 6150 metros de altura. Nessa montanha é possível encontrar lagos de águas termais e pedras vulcânicas. As pessoas procuram viver no lado da montanha virado para o reino, já que essa montanha protege Tatsu das tormentas de areia quentes e cortantes que vem do deserto. Dessa montanha nasce um dos braços de rio chamado ? ? ? que mais para frente se junta com o grande rio de Tatsu.

? ? ? – a montanha desértica, localizada a leste com 5610 metros. Essa montanha também faz fronteira com o deserto áureo também servindo de escudo, mas diferente da outra montanha nela não se encontra água facilmente. Grandes poços artesianos ou cidades subterrâneas, cavadas até encontrar um lugar úmido ou com água, são necessários para sobreviver nessa região.

As montanhas ao Sul são:
? ? ? – a montanha verde, localizada a oeste com 4280 metros. Essa montanha apesar de ser chamada de verde não é por sua vegetação, mas sim pela coloração de suas rochas que chamam muito atenção, é uma montanha com muito musgo devido a grande umidade vinda de Stormgard. É um dos lugares mais prósperos para ter plantações ou pecuária. Não é atoa que é uma das montanhas mais populosas de Tatsu. Dessa montanha nasce um dos braços de rio chamado ? ? ? que mais para frente se junta com o grande rio de Tatsu.

? ? ? – a montanha do Imperador, localizada a leste. Essa montanha é a mais alta de Tatsu e do mundo com 8015 metros de altura. Protegida a partir de uma determinada altura por guardas imperiais, ela guarda grandes segredos e riquezas que não devem ser abertos ao público e muito menos a forasteiros. É uma das montanhas mais difíceis de ser escalada em Tatsu por ser extremamente íngreme e perigosa. É dessa montanha que brota a maior parte das águas do rio ? ? ? que corta parte de Tatsu correndo em direção à Stormgard.

Existe uma classificação das cidades em relação a sua altura dentro do reino:

As cidades da base das montanhas (1400-1800 metros), principalmente as próximas a Stormgard tem o clima muito agradável, conseguem plantar alimentos, sem dificuldade alguma. Existe um bom número de animais que podem ser caçados em florestas espalhadas. Algumas dessas cidades estão na beira do rio de Tatsu onde podem pescar ou utilizar de suas águas límpidas para plantação, é nessa área que existe uma grande cultura de de bichos da ceda. As cidades viradas para o Deserto Aúreo são basicamente cidades mercantes, uma espécie de preparativos pré viagem ao deserto ou para receberem estrangeiros das terras quentes. Sua temperatura média é de 20ºC.

As cidades no vale das montanhas (região central 1800-2200 metros) são as mais habitadas do reino, dizem que o meio das montanhas é um lugar abençoado, grande parte do território tem uma vegetação tímida salvo áreas espalhadas de florestas e algumas florestas de bambus. Nessa área plantar qualquer coisa é um desafio pela falta de planícies, mas é possível com a construção de andares e sistemas de irrigação exóticos já a muito tempo utilizados pelos Tatsunênses. Aqui já começam a aparecer algumas estufas de plantação para frutas mais exóticas e cachoeiras artificiais dos braços de rio redirecionados para variados usos. Animais selvagens são encontrados com facilidade pra a caça e a pecuária é possível. Algumas raras cidades perto de grandes e belos lagos. Sua temperatura média é de 17ºC.

As cidades nas encostas das montanhas, onde também se encontra a cidade imperial (2200-2600 metros) estão em lugares relativamente perigosos pois há riscos de avalanches e não há um bom espaço físico para plantação ou pecuária. As estufas aparecem com mais frequência no meio das cidades para gerar alimentos e a caça é selvagem. Essas cidades estão perto de grandes reservas de carvão mineral ou minas de metais preciosos. O ar das cidades que ficam na direção do vento costuma ser mais úmido, enquanto das que ficam protegidas do vento (do outro lado da montanha) costuma ser mais seco. Durante dia pode ser agradável, mas as noites ficam um pouco mais frias e os ventos empoeirados das montanhas sopram regularmente. Sua temperatura média é de 14ºC.

As cidades altas das montanhas são extremamente raras (2600-3000 metros), viver é um grande desafio que poucos tem coragem de encarar. Plantação e pecuária são extremamente difíceis pela falta do espaço físico dada a inclinação das montanhas, estufas são essenciais para viver e o ar já começa a ficar rarefeito. Somente poucas e raras vilas sobrevivem em locais tão altos, longes da grande civilização, procurando por itens exóticos que valham tanto a pena se sacrificarem para venderem. Sua temperatura média é de 10ºC.

As cidades no limite das montanhas são praticamente lendas (3000-3500 metros), viver é exatamente sobreviver, acima disso existe um frio permanente em que a neve nunca derrete e a temperatura, não importando a força do Sol, nunca ficará agradável. O ar é tão rarefeito que somente pessoas condicionadas conseguem viver sem efeitos colaterais, todas os outras teriam extrema dificuldade, os fortes ventos podem apagar uma tocha que não esteja devidamente protegida. Sua temperatura média é de 6ºC e a sensação térmica do vento já é muito gelada.

Parte glacial das montanhas (4000 metros até o Pico das montanhas) praticamente impossíveis de serem escaladas ou criar moradias sem o auxílio de magia ou itens mágicos. Nessa altitude que se inicia a parte glacial da montanha, a neve nunca derrete e devido os fortes ventos a sensação térmica é indescritível. Extremamente raros animais e vegetação vivem nessas áreas. Sua temperatura média é sempre abaixo de zero.

Política e Economia:

Tatsu é comandada nos últimos séculos pela Dinastia ? ? ?. O poder e decisão do reino é totalmente colocado nas mãos do imperador que tem decisão absoluta e somente revogável por voto unânime dos 40 conselheiros. Mesmo essa dinastia sendo extremamente honrada durante os séculos, um imperador filósofo que tinha dúvidas de suas escolhas, se eram corretas ou incorretas, resolveu criar um conselho de 40 filósofos que o ajudariam a tomar as sábias e prioritárias decisões.

O atual imperador ? ? ? está extremamente doente e não tem forças para comandar o reino, ele vive trancado em seus aposentos mantido vivo por fortes medicamentos e magias que aparentemente não surtem efeito e somente pessoas de extrema confiança podem visitá-lo. Em seu lugar o conselheiro-regente ? ? ? toma as decisões sobre leis e tratados mercantes internacionais. O império gasta fortunas com investimento em infra-estruturas para dar ao povo de Tatsu um lugar melhor para viver.

Tatsu não se encontra em conflito com nenhum outro reino, sendo considerado um reino pacífico. Apesar de ser tão isolado dos assuntos e a influência geral de Morgdan, suas fronteiras são abertas para comércio e estrangeiros.

Os Daimyos têm total liberdade para comandar suas terras e criar leis próprias, desde que não quebrem nenhum lei imposta anteriormente pelo imperador. Eles tem liberdade para possuírem um exército próprio não maior que 5 mil homens e conduzirem tratados mercantes com qualquer reino de Morgdan, desde que paguem o imposto imperial no fim de cada semestre.

Alguns dos itens importados pelo reino:

Carvão Mineral e Madeira – apesar de serem encontradas jazidas de carvão mineral em várias partes do reino, esse volume ainda não é suficiente para atender a demanda necessária desse produto, há fogueiras ou lareiras em praticamente todas as casas para se aquecerem nas noites frias do inverno e um grande número de indústrias surgindo. Grandes quantidades de madeira são importadas de StormGard tanto para construção civil quanto aquecimento das pessoas. O carvão mineral geralmente vêm das montanhas de Stonegate e é utilizada tanto para aquecimento quanto na indústria para derreter metais.

Areia Branca – por incrível que parece areia é importada do Deserto Áureo. Mas não é qualquer tipo de areia, o produto em questão é uma areia fina bem clara para a fabricação de objetos de vidro decorativos ou grandes janelas que visam a construção de estufas para plantação. Os vidros também são utilizados para iluminar melhor o interior das construções durante o dia.

Alguns dos Itens exportados pelo reino:

Seda – Especialista na produção, dominando o processo e o ótimo conhecimento do bicho-da-seda, Tatsu é um grande exportador de seda de altíssima qualidade. A muito tempo atrás ladrões conseguiram levar larvas de seu território e já existem cultivos em outros lugares do mundo, mas nenhum se compara a qualidade do produto in natura ou dos tecidos finalizados desse reino. A seda não aquece que nem os outros tipos de tecidos é somente um belo produto estético como roupas leves para o verão. Deserto Áureo e Ávalon são os maiores consumidores desse produto.

Vidro e Espelhos – Tatsu é um dos maiores e melhores fabricantes de vidro do mundo ganhando uma grande visibilidade econômica por isso. As fornalhas do reino extremamente bem fabricados após a revolução tecnológica permitem que esses produtos sejam fabricados com grande qualidade e de tamanhos e formas bastante variadas. StormGard, Longness e Trenet são os maiores consumidores desse produto.

Frutas exóticas – o reino é famoso por não ter uma grande variedade de frutas já que elas não sobrevivem ao inverno, mas existe uma pequena e rara gama de frutas exóticas que parecem só crescer em lugares gelados, essas frutas só crescem nas partes mais frias e úmidas das montanhas de Tatsu. O Deserto Áureo é o maior consumidor dessas frutas, dizendo que elas são muito refrescantes já que cresceram a uma baixa temperatura.

Diamantes – diamantes surgem a partir de grandes pressões e nada melhor do que abaixo da maior montanha do mundo para encontrá-los, tatsu é um grande exportador, senão o maior de Morgdan. Todo diamante produzido é vigiado de perto pelo Exército Imperial criando um cerco e se não uma fortaleza para que não haja furtos ou desvio de mercadorias. Existem pequenas raras minas de diamantes em outros lugares do reino dentro do território dos Daimyos que é protegidas por lendários Clans Ninjas, mas mesmo assim pagando impostos secretos pra o reino.

Armaduras e Armas Exóticas – Tatsu desde sempre utilizou armaduras segmentadas, montadas de forma maleável, que além de garantir proteção para o guerreiro permite uma ótima mobilidade. Ou armas com formatos completamente diferentes, forjadas mais de 5x para ter um metal e montagem de altíssima qualidade. Essas armaduras podem ser construídas de variados materiais desde madeira até ferro temperado, com formatos e designs únicos para cada situação. Vendem para o mundo inteiro desde que pagem o preço certo.

Religião:

A divindade patrona do reino e que leva seu nome é Tatsu-Kin, o Honrado samurai do gelo. Seu código de honra é soberano em todo o território, considerado a base da civilização no Reino de Tatsu. Existem vários festivais diferentes exaltando sua existência. A crença nos outros deuses demorou a ser considerada, pois a população só conhecia Tatsu-Kin e o só mencionado Leonar. Somente com a devagar entrada de estrangeiros, alguns populares de Tatsu começaram a perceber a existência dos outros deuses que formam o panteão de Morgdan.

Nenhum habitante de Tatsu é obrigado a ter ou seguir uma religião. Atualmente existem dois grandes grupos religiosos seguidores do deus da Honra que se diferenciam somente na filosofia ou interpretações das ações de Tatsu-Kin. Nunca entraram em atrito competindo por atenção ou mais seguidores conseguindo conviver em grande harmonia, eis os grupos:

? ? ? : São os monges do manto branco da Paz, acreditam que Tatsu-Kin é tudo no reino, desde o diamante bruto escondido debaixo das montanhas até o floco de neve no topo da maior delas. Essa ordem acredita que Tatsu-Kin é onipresente ajudando tudo e a todos. É a religião mais difundida, pois como a neve que recobre as montanhas, eles devem recobrir a população do reino com fé e honra, elementos essenciais para haver paz e prosperidade. São os detentores do grande templo da cidade imperial e ganharam muito respeito por causa disso, a Dinastia ? ? ? do atual Imperador ? ? ? sempre seguiu os ensinamentos dos mantos brancos.

? ? ? : São os monges do manto azul da Ordem, eles ainda se lembram dos antigos deuses que habitavam as terras lendárias, portanto acreditam que eles possam também estar em Morgdan e aceitam a ideia de tantos outros deuses dos outros povos. Acreditam que Tatsu-Kin está sentado no alto da montanha imperial meditando e protegendo seu povo de qualquer outra ameaça divina, por isso que raramente responde as preces de seus sacerdotes. Olham com grande desconfiança para os sacerdotes estrangeiros, principalmente os que cultuam deuses malignos, acreditando que eles possam trazer perigo eminente ao reino. Acreditam piamente que Takagi Motaro foi enviado para proteger e ser o novo imperador de Tatsu, pois ele é feito a forma e imagem de seu grande deus.

Por terem recebido como benção as terras em que vivem do deus Leonar, muitos habitantes também cultuam esse grande deus considerado um grande aliado de Tatsu. Uma vez por mês existe o festival das lanternas onde o povo de tatsu acende pequenas lanternas a noite através do reino inteiro simbolizando a força da luz contra as trevas. Nessas noites são cantadas canções sobre a grande batalha dos Deuses e canções da amizade de Tatsu-Kin com Leonar.

Thinos o deus do tempo também é reverenciado. Manter os dias rodando em perfeita harmonia com uma paciência inabalável é uma tarefa realmente divina. Parte da cultura desse povo ensina que a paciência é uma das maiores virtudes do ser humano e para as coisas saírem bem feitas, somente o tempo e a experiência os levarão a perfeição.

Poucos e raros adoradores de Etros existem no reino, jogar é um dos maiores passa tempos dos Tatsunênses que adoram fazê-los em companhia de amigos ou em casas de jogos. O jogo em si não é proibido pelo governo, mas não é visto como bons olhos pessoas apostarem coisas importantes da sua vida em um simples jogo. Caso tenha perdido uma aposta, pagar o que se deve é mais que uma obrigação, pois na realidade é a sua honra que está em jogo.

Os outros deuses são tão pouco cultuados que mal chegam a prestar atenção para o reino de Tatsu, salvo as raras preces dos estrangeiros que fazem pouco volume em comparação ao restante do mundo.

Como citado anteriormente algumas pessoas de má fé ainda se lembram dos antigos deuses das terras lendárias, existem raros cultos secretos a deuses malignos. Um culto ao Guerreiro do Fogo ? ? ?, principal inimigo de Tatsu, sua imagem é de um grande guerreiro carregando uma imponente lança de fogo, onde os adoradores são violentos e sanguinários (pela falta desse deus Mog viu a oportunidade de enganar e receber alguns raros adoradores dentro de Tatsu). E a mesma coisa se dá ao Demônio das Sombras ? ? ?, com imagem de um ser amórfico feito de matéria negra com grandes garras, onde seus adoradores são mórbidos e misteriosos (pela falta desse deus Nosrredram viu a oportunidade de enganar e receber esse raros adoradores dentro de Tatsu.)

  •  O maior templo dos monges de manto branco se encontra na cidade imperial e o maior templo dos monges de manto azul se encontra no alta da montanha verde.
  • Leonar, Thinos e Etros possuem pequenos santuários espalhados pelo reino mas até agora nenhum que chame grande atenção.
  • As seitas dos Deuses malignos se encontram escondidas nas grandes metrópolis e geralmente com raros seguidores e alguns deles com muita influência dentro das cidades. Diz a lenda que um dos 5 Daymios faz parte da dinastia de seguidores de ? ? ? O Demonio das Sombras e que eles tem poderes misteriosos como o de reviver os mortos.
  • Takagi tem crescido em poder devido as eventuais preces vindas dos monges de manto azul, como semi-deus ele pode sentir esa fé e o energia que ela traz.

Lendas e Rumores:

A lenda do Guardião Escolhido:
Existia a lenda do guardião escolhido de Tatsu que viria para salvar o povo dos males que assolam a terra durou muitos séculos. Ela se confirmou com o achado de Tagaki Motaro, semi-deus e considerado filho de Tatsu, detentor de um enorme poder que está descobrindo aos poucos. É considerado literalmente uma lenda viva, apesar do grande medo da população por sua forma estética e acreditando que serão imediatamente punidos caso façam algo desonroso perto dele.

O retorno do Quinto:
Existe o rumor de que o herdeiro do “Quinto Daimyo” está vivo e estaria voltando para o reino, mais poderoso do que nunca, para concorrer a posse do trono imperial. Nenhum órgão do governo ou autoridades militares confirmam essa história, mas não negam terem recebido uma carta muito estranha de alguém se passando pelo Quinto.

O bambu de diamante:
Diz a lenda que um bando de ladrões roubaram uma boa quantidade de diamantes, o suficiente para se tornar um nobre em qualquer lugar do mundo, do primeiro Imperador Ditador e antes de serem pegos enterraram os diamantes no meio de uma das florestas de bambu no reino de Tatsu. Não se sabe qual nem onde, mas diz a lenda diz que um bambu cresceu com todos os diamantes dentro dele. Aquele que encontrar o bambu de diamante será absurdamente rico.

Informações Relevantes:

Escrever essa parte falando alguma coisa importante para o reino. Exemplo:alguma organização política que confronte o governo atual ou alguma ou criatura fantástica que escravize parte da população. Qualquer tipo de informação que seja relevante o suficiente para entrar na descrição básica do reino.

  • Metalquímicos
  • Metalquimistas
  • Os 5 Daimyos
  • A máfia em Tatsu (2 grupos)
  • Os Clans Ninjas (3 clans)
  • Escolas de Artes Marciais (5 grandes escolas)
  • Os Dragões Brancos

Locais de Interesse:

Locais que se destacam no reino de interesse geral, ou interessantes para uma nova aventura.

  • Ryuu-Shi – A cidade Imperial
  • Torre Metalquimista
  • A cidade dos peixes
  • Cidade Mineiradora
  • Templo maior de Tatsu
  • Arena de lutas na cidade ? ? ?
  • Mercado flutuante no rio ? ? ?
  • Casa de chás na cidade imperial
  • Praça dos Aventureiros

Figuras de Interesse:

Pessoas que se destacam no reino de interesse geral, ou interessantes para uma nova aventura. Podem ser PCs (player character – personagens de jogadores) ou NPCs (Non-player character – personagem do mestre) para dar o clima das pessoas importantes que comandam a cidade.

  • Imperador Doente
  • Conselheiro Regente
  • Sumo sacerdote de Tatsu-Kin
  • Takagi Motaro
  • Grande Mestre
  • Garota misteriosa da casa do chá
  • Guerreiro Enferrujado
  • Lendário Ninja da Lua
  • O Ronin de 2 espadas

Textos e idéias antigas a serem relevadas:

  • Conhecido por seus monges, ninjas e samurais e seus códigos severos
  • Comunidade de bárbaros da neve
  • Tem calendário e escrita própria

Veja também

Esta entrada foi publicada em e marcada com a tag . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Escreva um comentário